Ow! Book ♥
Thaís?
Parceiros
Comente!
Créditos
Resenhas
Welcome.
O mundo dos livros em um só lugar

Hello. Você não se enganou de endereço não! O Ow!Book www.owbook.blogspot.com se encontra em mudanças. Template temporário!

NUNCA copie/roube/falsifique qualquer coisa daqui. Tudo que está sendo postado aqui é de minha autoria. Caso pegue algo, por favor deixar meus devidos créditos.
O OW é destinado a resenhas,indicações e divulgações de livros. Para contatos: owbook@hotmail.com . ENJOY!

Visitantes on line:
Resenha do filme Meia noite em paris
sábado, 9 de julho de 2011 @ 20:03

Vamos mudar um pouco as nossas postagens. Yep! De livros para FILMES. uhu.
Tive essa ideia de fazer a resenha devido ter assistido a esse filme ontem. Bom, acho que nem preciso explicar o porquê de não haver postagens não é?


Gil (Owen Wilson) sempre idolatrou os grandes escritores americanos e quis ser como eles. A vida lhe levou a trabalhar como roteirista em Hollywood, o que por um lado fez com que fosse muito bem remunerado, por outro lhe rendeu uma boa dose de frustração. Agora ele está prestes a ir para Paris ao lado de sua noiva, Inez (Rachel McAdams), e dos pais dela, John (Kurt Fuller) e Helen (Mimi Kennedy). John irá à cidade para fechar um grande negócio e não se preocupa nem um pouco em esconder sua desaprovação pelo futuro genro. Estar em Paris faz com que Gil volte a se questionar sobre os rumos de sua vida, desencadeando o velho sonho de se tornar um escritor reconhecido.

Ficha técnica:


Diretor: Woody Allen
Elenco: Kurt Fuller, Owen Wilson, Marion Cotillard, Michael Sheen, Tom Hiddleston, Kathy Bates, Rachel McAdams, Gad Elmaleh, Carla Bruni, Nina Arianda, Mimi Kennedy, Corey Stoll, Manu Payet
Produção: Letty Aronson, Raphaël Benoliel
Roteiro: Woody Allen
Fotografia: Darius Khondji
Duração: 100 min.
Ano: 2011
País: EUA/ Reino Unido
Gênero: Comédia Dramática
Cor: Colorido
Distribuidora: Paris Filmes
Estúdio: Gravier Productions
Classificação: 12 anos







Ok, vamos parar de enrolar.
Primeiramente eu tenho que falar que fiquei "boiando" em questão de pintores e escritores famosos. Alerto para pessoa , que irá assistir esse filme, ser uma nerd ou entender de história geral para entender as tiradas engraçadas do Gil em relação a esses pintores. Mas quem não conhece, com certeza irá sair sabendo (e esquecendo depois) de um monte de pintor e escritor antigo. Uhu! Filme é cultura people.

Bom, vamos do princípio.
O protagonista Gil vai a passeio para paris com sua noiva Inez. Devo acrescentar que ele é um roteirista mas que sonha em publicar seu próprio romance. Coisa que ele já começou a fazer.(ok nenhuma novidade aí).


Até que Inez revê dois amigos (Carol e Paul - este último sendo muito irritante e metido a sabe tudo) e decide se juntar a eles para passeios turísticos. Oh minha nossa, o Paul se mostra um ser tão irritante que dá vontade do filme ter sido em 3D para - mesmo que não seja valendo - dar umas boas porradas nele.

Eu agressiva? Naaaaaaaah! Imagina.


Ok.Voltando.
O pai da Inez faz um evento (eu realmente perdi a noção desse evento, só sei que tem haver em mostrar vinhos- eeenfim, isso não importa).

 O que importa é que é somente depois desse evento que a história realmente começa.



Os amigos da Inez resolvem ir dançar. Até aí tudo bem se não fosse a Inez querer ir e o Gil não.
Sozinho e "feliz" devido a bebida, Gil decide encontrar o caminho do hotel, pelas ruas escuras de paris, a pé.
Perdido, Gil se senta em uma escada. E aí é que surge a magia da história: após 12 badaladas indicando que é meia noite, um carro antigo surge. As pessoas que estão dentro do carro chamam Gil para se juntar a eles.



Eis que após uma andada nesse carro, Gil descobre que viajou para o tempo em que ele mais sonhava viver: paris na década de  20. E sim, para a felicidade geral, ele se encontra com o seu tão adorado autor (ídolo) e pede para ele dar uma olhada em seu romance.
A partir daí ele começa a ir todos os dias - de meia noite-  até a escadaria para esperar o carro para poder voltar ao tempo.

Em uma dessas idas ele conhece a formosa Adriana, do qual conquista o coração do jovem escritor.
Gil vive um dilema: viver o presente ou se encantar com a magia do passado?



A  história é bacana e passa uma ótima lição de moral, tem comédia, romance... Enfim.
Mas uma coisa que eu não gostei desse filme foi o desfecho. Lacunas ficaram abertas e o fim de Gil com Adriana/Inez foi meio... Ok. Foi mal elaborado e cabousse. No final, o diretor/roteirista O DIACHO QUE FOR não deu devida atenção ao livro que Gil estava fazendo e para mim foi meio tosco ele ter colocado uma personagem - considerada nada importante no decorrer da história - para ter uma participação super significativa no final.

Fora isso o filme é muito interessante.
Aprovado para aqueles que querem assistir algum filme em uma tarde chuvosa.

ps: eeu aprendi história people! haha *-*

Beijos.
2 Comentários

2 Comentários:

Às 10 de julho de 2011 14:05 , Blogger Carol disse...

aaah esse filme parece ser bem bonitinho.
vou procurar por aqui para dar uma olhada nele
beeijo

 
Às 11 de julho de 2011 10:16 , Blogger Amanda disse...

Esse filme parece ser bom.
To com vontade de ver.

beijos
Amanda
Amanda's World

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial